Hidroterapia: Suas indicações e Contraindicações

Na Hidroterapia podemos atuar em diferentes indicações de patologias ou dores momentâneas como: Hérnia discal, espondilolistese, compressões ciáticas, lordose, escoliose e cervicalgias; Importantes contraturas musculares; Encefalopatia crônica; Traumatismo cranioencefálico, AVE, Síndromes dolorosas e dores crônicas, como a artrite, artrose, osteoartrose, osteopenia; Cardiopatias (desde que liberados para atividades físicas); Síndromes congênitas; Lesão medular; Doença de Parkinson e fibromialgia; Treino de marcha, equilíbrio e coordenação; Lesões de ombro, cotovelo, punho, coluna, quadril, joelho, tornozelo e pé; Gestantes, obesidade, terceira idade e criança.

Podemos notar que sua indicação é ampla, aborda diferentes estruturas do corpo e além disso pessoas com diferentes idades e atuação profissional podem realizar a hidroterapia.

Contudo temos as contraindicações, devemos estar atentos em alguns quesitos como: Lesões ou problemas dermatológicos, micoses e infecções genitais; Pacientes com cateteres e sondas; Cardiopatias graves; Incontinência urinária ou fecal; Capacidade vital reduzida; Febre alta; Doenças sistêmicas; Hipotensão e hipertensão descontroladas; Traqueostomia; Perfuração do tímpano; Atividade convulsiva não controlada.


Em casos de dúvidas entre em contato com a Equipe IJO.

Drª Patrícia Tulio


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo